sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Mary Higgins Clark


Mary Higgins Clark nasceu e foi criada em Nova York. Seus livros tiveram mais de 70 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo. A autora foi presidente da Associação Mistery Writers of America e recebeu o Grand Prix de Littérature, na França, em 1980, entre muitas outras honrarias. Atualmente, vive com o marido em Saddle River, em Nova Jersey, nos Estados Unidos.

A Editora Record já publicou diversas obras da autora. São elas: 'Alguém espia nas trevas'; 'Segredos destruidores'; 'Pela segunda vez'; 'A Noite é minha hora'; 'Lar Doce Lar'; 'Não chore mais'; 'Na rua em que você mora'; 'A Filhinha do papai', 'Noite feliz' (em parceria com Carol Higgins Clark'); 'Perigo no hospital'; 'Um presente de natal' e 'Onde estão as crianças?'.

Pelo selo BestBolso foram publicados os seguintes livros: 'O Caso das rosas fatais' e 'Enquanto minha querida dorme'. No próximo mês o selo lançará um terceiro livro da escritora: ' Vejo vocês em breve' (I'll be seeing you).

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Site oficial de Agatha Christie



Conheçam o site oficial da consagrada autora inglesa Agatha Christie!

www.agathachristie.com

Considerada como " A Rainha do Crime" Agatha escreveu quase 90 livros, (entre peças teatrais, contos, romances e uma autobiografia), criando personagens marcantes como o detetive Hercule Poirot, Miss Marple e o casal Tommy e Tuppence Baresford.

Seus livros já venderam mais de 600 milhões de exemplares em todo mundou. Além disso, muitos de seus títulos já foram adaptados para o cinema. Agatha Christie morreu em Wallingford, na Inglaterra, em janeiro de 1976.

De acordo com o site, seus principais livros (os 'top 10') são: 'Assassinato no Expresso do Oriente', 'O Assassinato de Roger Ackroyd', 'Convite para um homicído', 'Os Treze enigmas', 'Noite sem fim', 'A Mão misteriosa', 'Punição para a inocência', 'Hora Zero', 'E não sobrou nenhum (O caso dos dez negrinhos)' e 'A Casa Torta'.

Em fevereiro de 2010, a Editora Record lançará mais um título da autora pelo selo BestBolso: 'Café Preto'. Mais um sucesso de Agatha com o famoso detetive Hercule Poirot!

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Em risco


No novo livro de Stella Rimington a Grã-Bretanha está sob a mira de um terrorista “invisível”, alguém capaz de, fisicamente, se misturar com os habitantes locais. Virtualmente impossível de achar... até ser tarde demais. A tarefa cai sobre os ombros experientes de Liz Carlyle, uma das melhores agentes do MI5, serviço secreto da ilha. Rastrear esse indivíduo exigirá toda a sua astúcia, experiência e coragem.

Stella Rimington foi agente do MI5 e a primeira mulher a alcançar o cargo de Diretora-Geral da organização. Com o conhecimento adquirido durante anos, ela cria uma trama surpreendente.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Piloto de fuga


O autor americano Andrew Vachss, aclamado pela crítica por trazer nova vida ao gênero policial, faz sua estreia na Coleção Negra com o livro 'Piloto de fuga'.


Com duas dezenas de romances, além de vários contos publicados em jornais e revistas de grande circulação, Vachss já possui uma legião de fãs em todo o mundo.


Suas narrativas são quase cinematográficas. Na primeira página de 'Piloto de fuga' há a descrição da seguinte cena: três homens chegam a um banco. Dois deles descem do carro e falam "cinco minutos". O terceiro fica à espera. Três minutos depois, ele ouve disparos e pessoas gritando. Só então vêm a folha de rosto e as outras que antecedem a história. Exatamente como num filme. Mais adiante, a maneira como o autor intercala cenas e cria suspense também lembra os cortes e sequências comuns no cinema.


Neste romance Vachss deixa de lado seu detetive Burke para nos apresentar Eddie, um sujeito fiel, obcecado por automóveis, porém um tanto limitado. Antes de ter idade para tirar carteira de motorista, ele já roubava carros apenas para poder dirigi-los. Acabou sendo preso. E, como o próprio personagem diz, "Quando você é preso uma vez, esse se torna o seu destino".


Na cadeia, Eddie se envolve com J. C., um bandido frio e cerebral. Depois que os dois cumprem suas penas, passam a trabalhar juntos e acabam por assaltar um carro forte. Decidem, com o dinheiro ganho, nunca mais roubarem nada. O problema é que Eddie, aos poucos, se apaixona pela mulher de seu companheiro, chamada Vonda.


O texto impõe um ritmo rápido para a leitura. O livro é um verdadeiro page-turner. E um exemplar respeitável da literatura de entretenimento.


Fonte: Gazeta do Povo

Data: 17/01/2010

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Um túmulo em Gaza: vídeo

Veja o vídeo do livro da Coleção Negra 'Um túmulo em Gaza'

autor: Matt Rees

Welcome to Palestine!


quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Site de Tom Rob Smith- Criança 44


Confira o interessante site de Tom Rob Smith, autor de Criança 44:

http://www.tomrobsmith.com/


A página traz a biografia do autor, novidades, resenhas de vários veículos de comunicação sobre suas obras, além de apresentar as diversas edições de seus livros em vários países.

Podemos ver lá também um link para a página oficial do livro 'Criança 44' :

www.child44book.com

Enfim, o site é imperdível para todos aqueles que já leram esse emocionante thriller. Quem ainda não leu certamente vai se envolver com o misterioso universo de 'Criança 44'
!

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Dália negra


Já comentamos no blog a respeito do livro 'Sangue errante', de James Ellroy- terceiro volume da sua Trilogia americana- que será publicado em breve pela editora Record. Resolvemos, portanto, dedicar este post a um dos maiores sucessos do autor, o livro 'Dália negra'.

Ellroy não escapou de um destino triste. Virou delinquente e viciado em drogas, vivendo como mendigo pelas ruas da Califórnia até descobrir a literatura. Impressionado pelo brutal assassinato de sua mãe, James Ellroy transferiu traumas, preocupações e curiosidade para um homicídio muito parecido. Uma jovem encontrada em circunstâncias parecidas com a de sua mãe, que ganhou manchetes de jornais como a Dália Negra. Obcecado, Ellroy pesquisou o caso a fundo. E, quando percebeu, estava com um romance prontinho em sua cabeça. Botou tudo no papel e o resultado foi o romance 'Dália negra' que ganhou nova edição no Brasi. A partir dessa obra, a Record decidiu lançar aqui as obras completas do autor.


segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Frederick Forsyth


Frederick Forsyth é considerado um dos escritores de suspense e thrillers mais conhecidos e consagrados mundo afora. A obra do autor inglês, nascido em 1938, possui um cunho psicológico bastante complexo, baseado em meticulosas pesquisas. Seus livros são repletos de informações detalhadas sobre lavagem de dinheiro, armamentos, espionagem, política internacional e roubos de identidade, entre outros temas.

Em sua obra encontramos também figuras reais, como o ex-presidente francês Charles de Gaulle, em ‘O dia do chacal’. Já o romance ‘Dossiê Odessa’ traz o assassino nazista Edward Roschmann e o caçador de nazistas Simon Wiesnthal como personagens.

A lista de thrillers que escreveu após o grande sucesso de ‘O dia do Chacal’, lançado em 1971, o tornou um best seller internacionalmente. Com o livro o autor ganhou o prêmio Edgar Allan Poe.

Frederick Forsyth tem viajado por toda a Europa, África e Oriente Médio e estas experiências podem ser vistas claramente em sua narrativa.

Pela Editora Record foram publicados os seguintes livros do autor: ‘O dia do chacal’, ‘O Dossiê Odessa’, ‘O manipulador’, ‘O punho de Deus’, ‘A alternativa do diabo’, ‘Sem perdão’, ‘Cães de guerra’, ‘Murmúrio do Vento’, ‘Ícone’, ‘O vingador’, ‘O afegão’, ‘O pastor’, ‘O veterano e outros contos de suspense’ e ‘O negociador’.

Na figura acima estão as obras de Forsyth publicadas em formato de bolso pela BestBolso.

domingo, 17 de janeiro de 2010

O silêncio dos inocentes


Aproveitamos o lançamento do livro 'O Aliciador', de Donato Carrisi, (citado no post abaixo) para relembramos um best seller que tem tudo para agradar o mesmo público leitor: 'O silêncio dos inocentes', de Thomas Harris.

Cinco mulheres são brutalmente assassinadas em diferentes localidades dos Estados Unidos. Para chegar até o sanguinário assassino, a jovem agente do FBI, Clarice Starling, entrevista o ardiloso psiquiatra Hannibal Lecter, cuja mente psicopata está perigosamente voltada para o crime. Ao seguir as pistas apontadas pelo Dr. Lecter, Clarice envolve-se em uma teia mortífera surpreendente. O texto de Thomas Harris é arrepiante. Em 1991, a adaptação para o cinema de
O silêncio dos inocentes com Anthony Hopkins e Jodie Foster nos papéis principais rendeu ao filme cinco estatuetas do Oscar.

O livro foi lançado em formato de bolso pela BestBolso em 2008. Preço: R$ 17,90

“Thriller psicológico brilhantemente construído.”
Associated Press

“A trama de suspense é muito bem estruturada por Harris até o clímax.”
The Washington Post

sábado, 16 de janeiro de 2010

O aliciador, de Donato Carrisi



O livro 'O aliciador', escrito pelo italiano Donato Carrisi, já vendeu mais de 180 mil exemplares somente na Itália, alcançando as listas de best sellers dos principais jornais do país. Além disso, teve seus direitos de publicação vendidos para diversos países em seu primeiro ano.

A obra será lançada ainda esse mês pela Record. Agradará em cheio aos fãs de Tess Gerritsen, Thomas Harris (O silêncio dos inocentes) e da Coleção Negra.

O criminologista Goran Gavila e a equipe de homicídios enfrentam um caso perturbador: seis braços direitos de meninas entre nove e treze anos são desenterrados em um bosque. Cinco das crianças identificadas haviam desaparecido na última semana. Conforme os cadáveres emergem, as esperanças de que a sexta menina esteja viva provocam uma corrida contra o tempo, mas, em vez de levarem a equipe ao culpado, as pistas revelam-se parte de um plano friamente calculado pela mente cruel e brilhante do assassino, que parece estar sempre um passo à frente.

448 páginas
Tradução: Eliana Aguiar

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Sangue errante, de James Ellroy

Neste vídeo, o autor James Ellroy fala, entusiasmado, sobre seu último livro: Sangue errante (Blood's a rover).

Sangue errante é o último volume da Trilogia Americana. A obra será em breve lançada no Brasil pela Record.

Imperdível!


quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Livro 'Sangue errante', de James Ellroy, será lançado em 2010!

O autor James Ellroy nasceu em 1948, em Los Angeles. Seus pais se divorciaram ainda na sua infância. Assim, Ellroy passou a viver com sua mãe, Geneva Hilliker- vencedora do concurso de beleza norteamericano que a considerou como a mais charmosa ruiva dos Estados Unidos. Em um sábado, no entanto, Geneva foi encontrada morta estrangulada, seu corpo abandonado em um cruzamento. O autor, então com dez anos, foi morar com o seu pai. Depois da morte paterna, Ellroy começou a praticar pequenos delitros, mergulhando, em seguida, no alcoolismo, nas drogas e na indigência.

Ellroy começou a escrever com 30 anos. Seu primeiro Romance, 'Brown's Requiem', só foi lançado em 1981. Seu livro 'Dália Negra', baseado no assassinato da aspirante a estrela Elisabeth Short, que chocou os Estados Unidos- e que até hoje permanece sem solução- foi lançado em 1987. O próprio autor pagou pela sua publicação. A obra foi a primeira de uma série chamada 'L.A. Quartet', alçando o nome de Ellroy para a seleta lista dos grandes escritores policiais.

O primeiro volume da Trilogia Americana, chamado 'American Tabloid', foi publicado em 1995. O segundo volume foi lançado em 2001, intitulado 'The cold six thousand'.

No primeiro semestre de 2010 a Record lançará ' Sangue errante', o terceiro livro da trilogia. O livro é considerado pelo próprio autor o seru favorito entre os três.

Pela Editora Record já foram lançados os seguintes livros de Ellroy: 'Jazz branco', 'O Grande deserto', 'Sangue na Lua', 'Por causa da noite', 'O morro do suicídio', 'Noturnos de Hollywood', e o best seller 'Dália Negra', que foi adaptado para o cinema em 2006, com direção de Brian de Palma.

Site oficial de James Ellroy: http://www.ellroy.com/



quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Policial, suspense e thriller no selo BestBolso!


Escritores que já fazem parte do catálogo da Editora Record estão também disponíveis em formato de bolso e a preços mais acessíveis! O selo BestBolso reúne autores clássicos e consagrados de vários gêneros literários. Entre eles encontramos diveros autores de romances policiais, livros de suspense e trhillers.
Alguns escritores desses gêneros publicados pelas Edições BestBolso: Frederick Forsyth, Agatha Christie, Mary Higgins Clark, Martin Cruz Smith, Ken Follett, Dean Koontz, Jeffery Deaver ('O Colecionador de Ossos'), Thomas Harris ('O silêncio dos inocentes'), Raymond Chandler, Robin Cook, Scott Turow, Tom Rob Smith (Criança 44) e Andrea Camilleri (O cão de Terracota).

Para ver as obras de cada um desses autores publicadas em formato de bolso visite o site:

http://www.record.com.br/grupoeditorial_editora.asp?id_editora=12

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Entrevista com José Rodrigues dos Santos

Nascido em Moçambique, em 1964, o autor português José Rodrigues dos Santos é, além de escritor, professor da Universidade Nova de Lisboa e jornalista. O autor publicou já alguns ensaios antes de estrear na ficção. Seu primeiro thriller, no entanto, intitulado O Códex 632, foi publicado em 2005 na Europa, (No Brasil, foi lançado em 2006, pela Record), atingindo imediato sucesso e consagrando seu protagonista, o professor de História Tomás Noronha, como uma espécie de Robert Langdon português. O personagem está presente em outras obras do autor, como O Sétimo Selo e A Fórmula de Deus (todos publicados no Brasil também pela Editora Record).

POR QUE A OPÇÃO POR ESCREVER THRILLERS?

JRS:Gosto da ação e da emoção inerente à leitura e à escrita de thrillers. No entanto, procuro fazer com que a minha obra seja um pouco diferente dos habituais romances desse tipo. Os thrillers são, em geral, entretenimento puro. Mas eu tento que os meus, para além da tensão, tragam uma parte de conhecimento que seja muito forte. Por exemplo: em O Sétimo Selo procuro mostrar, por meio de uma história de ação, mostrar o que se passa com as alterações climáticas e alertar para o fim do petróleo e suas consequências.

COMO SE DEU O COMEÇO DE SUA CARREIRA LITERÁRIA?

JRS: Aconteceu por acidente! Um amigo meu escritor, a quem eu devia um favor, me pediu que escrevesse um conto para a sua revista literária. Sem ter como recusar o pedido, lá fui eu redigir o texto. Quando dei por mim o conto já possuía 200 páginas! Foi o meu primeiro romance. O bichinho da escrita ficou e, dentro de pouco, já estava escrevendo meu segundo romance.

O THRILLER NÃO POSSUI TRADIÇÃO NA LITERATURA DE LÍNGUA PORTUGUESA E SÓ RECENTEMENTE ESCRITORES PORTUGUESES E BRASILEIROS PASSARAM A SE DEDICAR AO GÊNERO. PARA VOCÊ, O THRILLER TEM CHANCES DE SE FIRMAR NA LITERATURA EM PORTUGUÊS OU ESTÁ CONDENADO A SER ETERNAMENTE VISTO COMO UMA IMITAÇÃO DA LITERATURA ANGLO-SAXÃ, ONDE ELE É MAIS FORTE?

JRS: Acho que o thriller pode perfeitamente se firmar como gênero lusófono se os escritores de nossa língua entenderem bem como e qual é o seu público. Além disso, devem saber contornar os obstáculos culturais que naturalmente se levantam.

QUE ELEMENTOS DIFERENCIAM UM TRHILLER AMERICANO DE UM PORTUGUÊS, POR EXEMPLO?

JRS: Não sei se podemos falar do thriller português ou brasileiro como sub-gênero. No meu caso eu levo muito em conta a questão do conhecimento agregado aos meus livros. Já falei a respeito de O Sétimo Selo, então falarei de um outro livro meu, A Fórmula de Deus. Por meio de uma história de espionagem que envolve a CIA e a VEVAK (o Serviço Secreto do Irã), o livro envolve religião e ciência e discorre sobre questões essenciais como a possibilidade de se provar cientificamente a existência de Deus, explorando assim também o sentido da nossa existência.

QUAL SUA OPINIÃO A RESPEITO DA IDEIA DE QUE O THRILLER SERIA UM GÊNERO VISTO COMO "MENOR"?

JRS: Ele se tornará um gênero menor quando se tornar previsível e não tiverem qualidade. Cabe aos autores lhe emprestarem essa qualidade. Mas também é verdade que a maioria das catalogações tendem a ser preconceituosas. Acho que não devemos dar-lhe demasiada importância.

Entrevista adaptada extraída do blog Textos & Thrillers, publicada em 15/06/2009.
Leia na íntegra: http:// www.textosethrillers.blogspot.com

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Mestres de Todos!

CURIOSIDADE

Um pouco a respeito dos maiores autores do romance policial da literatura mundial!

Arthur Conan Doyle (1859-1930)

O escritor escocês foi o criador de Sherlock Holmes e seu assistente, Watson. Tornou-se um dos nomes mais expressivos do romance investigativo ao evidenciar o poder de dedução de seu herói perspicaz.

Agatha Christie (1890-1976)

A autora inglesa deu ao mundo dois dos maiores investigadores da literatura: Hercule Poirot e Jane Marple. Consagrou-se por cultivar vários suspeitos para um crime e finais surpreendentes.

Raymond Chandler (1888-1959)

O escritor americano começou a carreira aos 45 anos. Colaborou com a revista Black Mask, publicada com papel de baixo preço. Sua grande criação foi o detetive Philip Marlowe, protagonista de sete romances. É considerado por muitos leitores e críticos o maior escritor da literatura policial.

Georges Simenon (1903 - 1989)

Jules Maigret é o personagem mais popular do escritor belga. O comissário não tira o cachimbo da cabeça e tenta entender a mente dos criminosos. Simenon escreveu ao todo 425 livros.


Entre eles, Agatha Christie e Raymond Chandler possuem livros publicados pela editora Record.

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Tess Gerritsen, site!


A autora sino-americana Tess Gerritsen é hoje uma das mais conceituadas escritoras mundiais de romances de suspense e thrillers. A maioria de seus livros, que se tornaram best-sellers em muitos países, se passa, principalmente, no universo da medicina.

O site da autora reúne muitas informações interessantes e atualizadas para os seus inúmeros fãs, entre elas: resenhas de suas obras, eventos, livros, biografia, entrevistas e até o link para o seu blog pessoal. Os leitores apaixonados por sua obra poderão adentrar ainda mais no seu mundo de mistério e suspense!

Pela Editora Record, foram publicados os seus seguintes livros
: 'Gravidade' (2009); 'O jardim de ossos' (2009); 'Desaparecidas' (2008); Dublê de corpo' (2007);' O pecador' (2006); 'O dominador' (2005) e 'O cirurgião' (2005).

site: http://www.tessgerritsen.com

sábado, 2 de janeiro de 2010

Temporada em Vigàta


Reproduzimos aqui trechos do texto que a jornalista Cora Rónai, leitora assídua e apaixonada do escritor Andrea Camilleri (e seu inspetor Monatlbano) escreveu para o jornal 'O Globo' e postou em seu blog no dia 28/02/2008.

Temporada em Vigàta

(...) Ao contrário de tantos policiais em que se pode mergulhar no clima a partir de qualquer ponto da saga, no caso de Montalbano é fundamental começar pelo começo, ou seja, por “A forma da água”. Camilleri apresenta aos poucos o seu personagem e o mundo que o cerca, onde políticos, criminosos e advogados convivem em alegre promiscuidade, onde nem sempre a lei é justa, e onde, invariavelmente, a corda arrebenta para o lado mais fraco. Parece familiar? Pois é essa familiaridade que, entre outras coisas, faz do comissário um tipo tão simpático para qualquer brasileiro (...)

(...) Aceitem o conselho: deixem-se levar, e embarquem para Vigàta com Camilleri. Até o momento, há dez livros do comissário Montalbano em português. Mesmo que comprados simultaneamente, ainda saem mais em conta do que uma ponte aérea -- e garantem muito mais diversão. (...)


Arrivederci!

(O Globo, Segundo Caderno, 28.2.2008)

Para ler na íntegra: http://cora.blogspot.com